AVALIAÇÃO DAS INTERVENÇÕES COM CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS EM UMA ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL

Flávio França

Resumo


Contar uma história é o meio mais antigo de propagação de conhecimento. Por meio desta prática é possível contribuir na formação de leitores, no estímulo à criatividade e à imaginação das crianças. Os desenhos produzidos por crianças são importantes registros dos seus raciocínios em desenvolvimento. A contação de histórias e a produção de desenhos são duas atividades muito relacionadas, pois, ao contar uma história, imagens são produzidas nas mentes das crianças, e ao serem estimuladas a produzir desenhos após a exposição a alguma história, os desenhos virão impregnados destas imagens, levando o ouvinte a apropriar-se da história. Entre 2010 e 2012 foram realizadas atividades de contação de histórias, visando oferecer alternativas didáticas para o ensino de Português. Como resultado dessas atividades, os alunos produziram desenhos. O presente trabalho tem como objetivo a análise dos desenhos produzidos durante atividades de contação de histórias, realçando como se dá a expressão do pensamento infantil e propondo abordagens para o tratamento destes pensamentos em sala de aula. Os desenhos foram digitalizados. A temática principal dos desenhos foi identificada. Realizou-se uma pesquisa bibliográfica sobre o tratamento de cada uma das temáticas identificadas: Violência, Família, Amor, Profissão, Abstrações, Escola, Influência da Televisão, Consumismo. Observa-se como uma atividade didática realizada de forma planejada dentro da sala de aula pode levar a insights importantes sobre as próximas atitudes a serem tomadas para atingir os objetivos educacionais. Os desenhos revelam uma ampla variedade de preocupações dos estudantes e tudo isso fornece elementos aos professores para buscarem práticas motivacionais nas suas aulas.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .