VIVÊNCIA NO ESTÁGIO II: formação do professor

Ariane Antônia

Resumo


Este trabalho tem como objetivo falar sobre a formação da identidade profissional do professor nos novos tempos e como esta formação deve ser constantemente influenciada pelo descobrir, criar e refletir, pois, a maneira de pensar dos indivíduos modernos experimenta mudanças constantes, decorrentes de uma criação do diferente. A singularidade e a pluralidade se tecem de forma articulada, onde as certezas se transformam muitas vezes em interrogações. Os avanços da ciência e das inovações tecnológicas têm sido consideráveis e exigem, cada vez mais, níveis de escolarização e conhecimentos especializados em diversas áreas. No ensino da Geografia, autilização de softwares para o processamento de informações espaciais, na cartografia, topografia, paisagem, localização, dados estatísticos e imagens digitais enquanto recursos pedagógicos e operacionais, auxiliam na interpretação da realidade social. Por isso, para acompanhar estas transformações, o professor precisa ter uma visão ampla e crítica das novas formas de aquisição do conhecimento, das novas tecnologias da informação e comunicação,para obter uma qualidade metodológica de educação e vida através de inovações pedagógicas na prática docente,tendo em vista o melhoramento do ensino-aprendizagem, pois a educação precisa ser repensada constantemente eo papel da tecnologia nesse processo de mudança na abordagem pedagógica facilita a passagem do modelo mecanicista para uma educação sociointeracionista, encaminhando os sujeitos para atividades mais criativas, críticas ede construção conjunta.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.